Review: Extraordinário de R.J.Palácio

“August Pullman, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso ele nunca frequentou uma escola de verdade… até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros. Narrado da perspectiva de Auggie e também de seus familiares e amigos, com momentos comoventes e outros descontraídos, Extraordinário consegue captar o impacto que um menino pode causar na vida e no comportamento de todos, família, amigos e comunidade – um impacto forte, comovente e, sem dúvida nenhuma, extraordinariamente positivo, que vai tocar todo tipo de leito” (skoob.com) Editora Intrínseca, 2014, 208 págs.

Depois de muito tempo me rendi à história Auggie, um garoto que sem dúvida não poderíamos dar outro adjetivo que não fosse  “Extraordinário”.

wp-1478378587619.jpeg
Foto: Mari Bomfim

Adorei como a história foi contada, o livro é toda em primeira pessoa, mas cada capítulo é relatado por alguém que tem contado com o protagonista. O que eu acho mais legal da história é que apesar da família de August ser retratada como super compreensiva e carinhosa, não é uma família perfeita e inacessível, pelo contrário, durante a história percebemos a insegurança da mãe, a irmã adolescente passando por uma fase complicada em relação à ela mesma e ao irmão. Enfim, são pessoas que erram e acertam.

wp-1478378587595.jpeg
Foto: Mari Bomfim

O livro também é super atual, está repleto de referências pops como Star Wars, Diário de um Banana, trechos de músicas, jogos de videogames e internet. A história se passa em Nova York durante todo o 5º ano de Auggie,  então fica claro a diferença dos hábitos, principalmente os períodos escolares. Uma curiosidade: a família da mãe de Auggie é brasileira! *-*

wp-1478378587637.jpeg
Foto: Mari Bomfim

O livro é sim voltado para o público infanto-juvenil, mas sinceramente é um daqueles livros atemporais tipo “O pequeno Príncipe”, “Peter Pan” ou “Alice no país das maravilhas” que dependendo da idade em que você lê, consegue absorver uma história diferente.

Acredito que todo mundo deveria ler esse livro! Deem de presente!

Escrito por:
Mari Bomfim

Anúncios

10 comentários em “Review: Extraordinário de R.J.Palácio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s