VI NO CINEMA: PERDIDO EM MARTE (THE MARTIAN)- RIDLEY SCOTT

Essa semana, fui ao cinema assistir Perdido em Marte, parece que mais uma vez Matt Damon se perdeu no espaço e a NASA teve que resolver, primeira coisa: eu adoro filme de “espaço”, tenho um certo medinho porque a gente nunca sabe o que vai ter no espaço, fico meio sem ar porque sempre tem aquela coisa de “15% de oxigênio… 5% de oxigênio… 1% de oxigênio” e eu sempre acho que tudo vai dar uma merda (principalmente depois de assistir “Gravidade”), mas eu ADORO filme de espaço! Dito isso, bora pro filme!

A história se passa num futuro não tão distante, onde está acontecendo uma missão muito bem sucedida em Marte, onde astronautas estão ali para analisar o terreno, solo,e tals. Ficariam ali por um tempo, vendo como é o clima, de boas, daí iriam todos de volta pra casa. Porém, começa uma tempestade de areia monstruosa que não estava planejada e a capitã Lewis (#girlpower) decide abortar a missão para que todos se salvem, infelizmente Mark, sofre um acidente no percurso e acaba dado como morto, portanto deixado em Marte.

Para a surpresa de todos, Mark não morreu, mas encontra-se sozinho num planeta gigante, cheio de tempestades e com algumas provisões que eram para durar para um mês. Mas aí, entra a parte cientifica e começa a aventura! O astronauta formado em botânica, consegue se virar nos 30 e enviar sinal para Houston, é a onde começa um plano mirabolante para tentar resgatá-lo.

O que é bem legal desse filme é que Mark sabia que mesmo depois de enviar um sinal para Terra, era muito remota a possibilidade de retorno, mas mesmo assim ele teve muita presença de espírito e inteligência para se adequar a um ambiente totalmente hostil e conseguir se manter são e resolver todos os problemas que iam aparecendo.

A fotografia do filme é muuuito bonita e a trilha sonora muito legal! O filme é divertido e muito emocionante, não no sentindo de chorar, mas no sentido de várias emoções surgirem no decorrer do filme (você está feliz, depois nervosa, depois começa a ter esperança, depois acha que tudo vai dar merda, depois com medinho… muitas emoções), achei todos os personagens bem resolvidos, nada de “mimimi, você me deixou pra trás em Marte”, além de mostrar a política por trás da NASA.

Eu gostei muito, me surpreendeu, apesar do filme ser longo, não foi cansativo! Corre  que ainda dá tempo de ver no cinema!

Gosta de filmes de espaço? Foi ao cinema recentemente? Comente!

Escrito por:
Mari Bomfim

Anúncios

4 comentários em “VI NO CINEMA: PERDIDO EM MARTE (THE MARTIAN)- RIDLEY SCOTT

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s