BALELAS: UM LEMBRETE A MIM MESMA OU MINHA VIDA NÃO É UM FILME.

Comecei e apaguei esse texto várias vezes.

Eu poderia escrever mais uma vez sobre um livro que eu li, uma série, um filme, mas ultimamente estava sem ânimo para escrever e até mesmo manter o blog. Não via propósito, não via motivo. Talvez eu esteja naqueles momentos cruciais da vida onde tudo que eu faço parece estar errado. Ou eu me sinto mal, ou me sinto culpada, ou simplesmente não sinto mais vontade de fazer aquilo. Ultimamente venho questionando muitas coisas na minha vida. Questionando meu emprego, questionando minhas capacidades como pessoa, como profissional, como filha, irmã, e por mais elogios que eu recebo do meu namorado incrível – amo vc, Rafa ❤ – também questionei minha capacidade como namorada.

Na minha cabeça existem vários momentos: aquele que eu sou fodona e que vou resolver todas as coisas de forma incrível e todos irão se orgulhar de mim; e aquele onde eu fico quieta, chorando no canto, esperando a vida passar e as coisas de ajeitarem sem eu precisar tomar qualquer decisão, e um dia eu acordo e já tenho todos os meus problemas resolvidos e está tudo ok agora… Mas claro… nenhum desses momentos são reais. Apesar das minhas fantasias megalomaniacas e doidas  ou da minha fase “não-quero-tomar-nenhuma-decisão-agora” (recorrente na minha TPM), eu sei que no mundo real as coisas não funcionam assim.

Isso que dá passar a vida inteira vendo séries e filmes e lendo romances e achar que esses cortes, edições e montagens que deixam a coisa toda mais emocionante e rápida devem acontecer na vida real. Nas séries/filmes/livros os personagens não fazem compras no supermercado de verdade (olhando preços, vendo data de validade e esperando horrores na fila do caixa rápido), eles não pagam contas, não vão nem ao banheiro ou tomam banho, a não ser que isso deixe o roteiro mais interessante e que na fila do banco algo irá acontecer para chegarmos ao clímax. Veja bem, não estou reclamando da história da minha vida, o roteiro é muito bom, me surpreendeu muito e esses últimos 2 anos e pouquinho têm sido incríveis. É que, às vezes, eu queria avançar minha vida e ter certeza que tudo continuará bem lá na frente.

Eu não vivo numa série de TV e, apesar de falar sozinha frequentemente, não há uma câmera me seguindo 24h. Então, não há spoiler, nem sinopse, e  nem posso reclamar do ritmo da minha história, é assim que ela deve ser, eu sei disso. Muitas vezes eu quero correr e pular pedaços da minha vida, mas não posso. Tenho que resolver as coisas que me aborrecem, lidar com as pessoas que, apesar de amar muito, não tem o mesmo pensamento que o meu. Tenho que colocar na minha cabeça que eu não vou mudar as pessoas que não pensam como eu, elas sempre vão ser assim e tenho que lidar com isso e ponto. O mais incrível nisso tudo é que hoje, eu não preciso lidar com isso sozinha. E isso já é um grande passo para mim.

Então, novamente, com o incentivo da melhor pessoa do mundo, eu vou seguir com blog, até porque ele é um projeto que eu quis colocar de volta na minha vida porque escrever sempre foi algo bom para mim, que me ajudou em muitos momentos na minha vida. Vou tentar me especializar mais na minha área profissional porque eu ainda gosto muito do que faço e não posso me influenciar negativamente por pessoas que talvez já deram o melhor de si naquilo e não estão mais interessadas. Vou continuar me aperfeiçoando como pessoa seja cuidando do corpo, da mente e principalmente do espírito. Quero estar bem com todos os quesitos do meu ser.

Lembrete à mim mesma:

  • Não se cobre tanto, não seja dura consigo mesma, perdoe-se.
  • Acredite e confie nas pessoas que realmente estão preocupadas com seu bem estar.
  • Faça o seu melhor e acredite na sua intuição.
  • Reserve um pedaço do seu dia para fazer algo que realmente te faça bem.

Escrito por:
Mari Bomfim

 

Anúncios

Um comentário em “BALELAS: UM LEMBRETE A MIM MESMA OU MINHA VIDA NÃO É UM FILME.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s