UM POST SOBRE O AMOR

Há um ano, quando eu escrevia no blog todos os dias, eu fiz uma “semana do amor” onde eu fala sobre várias coisas mais principalmente sobre meu relacionamento com o Rafa, meu namorado cinéfilo e colaborar do blog. As coisas que escrevi aqui continuam incrivelmente iguais, já as desse teste mudaram algumas pequenas coisas.

Eu peço licença para as pessoas que não querem ver nada meloso nesse dia, mas vou tentar não sair muito açucarada, ok? Eu quero dizer pra vocês aí, que estão lendo esse post, independente do seu status no facebook, que o amor existe! Sei que pelos noticiários e pelas conversas de corredor a gente tem a impressão que as coisas estão indo de mal a pior, e que as pessoas simplesmente odeiam umas as outras por qualquer diferença, por mais mínima que seja.

Mas o amor existe sim! E ele está nas pequenas coisas do dia-a-dia. E não é apenas quando as palavras “EU” “TE” “AMO” se juntam e formam essa frase que preenche nossos corações, isso é só uma confirmação. O importante mesmo é sentir o amor! Em qualquer tipo de relacionamento que você esteja, pense sempre se você está se sentindo amado!

E eu posso falar com todas as letras que eu sinto amor na minha vida, eu me sinto amada! Eu sinto amor nos “bom dias” e “boa noites” diários, na preocupação de como eu cheguei em casa, no esforço de assistir filmes bobos comigo, na paciência de me explicar um filme que não entendi, nas bobagens e bagunças que fazemos, no aconchego do abraço e do olhar e na sensação de proteção quando eu posso chorar nos braços dele. O simples cafuné enquanto estamos discutindo sobre teorias e opiniões faz eu ter a certeza.

Tenho certeza todos os dias! Eu me sinto abençoada por tê-lo na minha vida e agradeço a Deus pela oportunidade de viver essa aventura com o Rafa! O dia dos namorados foi ontem, mas estar com ele, numa segunda-feira difícil, quarta-feira aleatória ou em um domingo sonolento, é como comemorar o dia dos namorados!

Eu sei que parece clichê: escrever esse texto, falar sobre amor no dia dos namorados, mas os clichês estão aí no mundo para serem usados, e… eu sou bem clichê mesmo!

* essas lindas ilustrações são do artista Puuung.

Escrito por:
Mari Bomfim

Anúncios

6 comentários em “UM POST SOBRE O AMOR

  1. Muuuito linda sua mensagem Mari!
    Principalmente as imagens, achei que elas fazem jus as coisas lindas do dia a dia que expressam o amor, principalmente o amor duradouro entre casais, que se manifesta realmente através de atos simples, porém extremamente significativos! 🙂
    Me identifiquei muito!
    Xero

    Curtido por 2 pessoas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s