REVIEW:1984 DE GEORGE ORWELL

Romance distópico clássico do autor britânico George Orwell. Terminado de escrever no ano de 1948 e publicado em 8 de Junho de 1949, retrata o cotidiano de um regime político totalitário de modelo comunista. No livro, Orwell mostra como uma sociedade oligárquica é capaz de reprimir qualquer um que se opuser a ela. De fato, 1984 é uma metáfora sobre o poder e atuação dos regimes comunistas, Orwell o escreveu animado de um sentido de urgência, para avisar os seus contemporâneos e às gerações futuras do perigo que corriam, e lutou desesperadamente contra a morte – sofria de tuberculose – para poder acabá-lo. Ele foi um dos primeiros simpatizantes ocidentais da esquerda que percebeu para onde o estalinismo caminhava e é aí que ele vai buscar a inspiração: percebe-se facilmente que o Grande Irmão não é senão Stalin e que o arqui-inimigo Goldstein não é senão Trotsky.(skoob.com) – Editora Companhia das Letras, 2009, 414 pág.

wp-1479152310856.jpeg

O que dizer desse livro? Assim como em “A revolução dos bichos“, “1984” me deixou embasbacada com a quantidade de coisas atuais que ele ainda possui. Sabe o que é ler um livro e visualizar todo um futuro já acontecendo que corresponde as imagens do livro, então…

“Quem controla o passado controla o futuro; quem controla o presente controla o passado”

No começo, enquanto eu li a primeira parte, eu me peguei pensando em levar esses livros para a escola, sabe [eu realmente não sei o que eles leem hoje, mas eu não li esse livro na escola, nem lembro dele ter sido mencionado em qualquer aula, de qualquer matéria]. Mas como o livro termina bem pra baixo, então… melhor deixar as crianças terem esperança, certo?

O conceito do livro é simples: Winston, nosso protagonista, vive em uma ditadura comunista [mas como próprio livro diz, não importa o regime, é apenas o poder por ele mesmo]. Nesse regime extremista, eles são sempre vigiados pelo Grande Irmão, e qualquer deslize, qualquer forma de pensamento próprio ou privacidade te transforma no inimigo número um do Partido.

Winston via as coisas de forma diferente, não conseguia entender como toda a população se submetia cegamente a conceitos claramente mentirosos e que só prejudicavam a si mesmo, como podia as pessoas não enxergarem a manipulação?

Como se poderia imaginar, ele é pego pelo Partido e então começa uma sessão interminável de torturas físicas e mentais, em um dos momentos mais chocantes do livro, Winston se defronta com ele mesmo no espelho e não se reconhece. Diferentemente das torturas realizadas por outras ditaduras, o objetivo do Partido não era matar a pessoa ou fazê-la sofrer, porque isso seria criar mártires.

Eles queriam que Winston não fosse mais humano, não fosse um indivíduo, mas sim apenas mais um na grande massa, eles o “curariam”, mostrariam para ele que tudo esse modo de pensar, de direitos humanos, era apenas um capricho seu, na verdade uma doença mental que o infectou, e portanto seria curado, para pensar como todos os outros [conseguem ver algo sinistramente familiar nisso tudo?]

2016-18-10-17-33-58
“Poder não é um meio, mas um fim. Não se estabelece uma ditadura para proteger uma revolução. Faz-se a revolução para instalar a ditadura“.

É um livro chocante e extremamente verdadeiro, uma obra que quase não foi acabada , pois Orwell já estava muito doente. Realmente um livro que teve que ser escrito e principalmente, deve ser lido e discutido!

Escrito por:
Mari Bomfim

Anúncios

7 comentários em “REVIEW:1984 DE GEORGE ORWELL

  1. Olá Mari, gostei do seu post! Parabéns!!! eu realizei a leitura deste livro a muitos anos atrás, e qdo iniciou o “Big Brother” na televisão, comentei com minha esposa que os criadores deste reality show leram George Orwell. Isto demonstra que a literatura está a frente do seu tempo, e a cada leitura nos traz uma nova perspectiva de realidade.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s