Lidos em Novembro/ 16

wp-1480862367976.jpeg
Foto: Mari Bomfim

Nesse mês que passou, a quantidade de livros lidos diminui um pouquinho e já estou achando que em dezembro vai ser pior ainda, mas tudo bem, porque a meta já foi cumprida! xD

Em novembro eu li dois livros de autores aclamados pela crítica: Agatha Christie e Chuck Palahniuk. O primeiro livro fiquei um pouco decepcionada, pois estava com muita expectativa em relação a rainha do crime, em compensação Palahniuk me surpreendeu, pelo livro ser ainda melhor que o filme [que eu já gostava muito].

wp-1480862367975.jpeg
Foto: Mari Bomfim

Clube da Luta é um livro forte e cheio de reviravoltas, já Aventura em Bagdá é um livro mais leve, com algumas situações emocionantes, mas não muito empolgantes [vou tentar ler outros da Agatha, prometo!]

E você? Qual livro leu em novembro? Qual está lendo no momento? Comente!

Escrito por:
Mari Bomfim

Anúncios

REVIEW: Clube da Luta de Chuck Palahniuk

“Considerado um clássico moderno desde sua publicação em 1996, o livro Clube da Luta consagrou Chuck Palahniuk como um dos mais importantes e criativos autores contemporâneos, além do próprio livro como um cânone da cultura pop. O livro que estava esgotado há anos volta às livrarias nessa caprichada edição. O clube da luta é idealizado por Tyler Durden, que acha que encontrou uma maneira de viver fora dos limites da sociedade e das regras sem sentido. Mas o que está por vir de sua mente pode piorar muito daqui para frente” Ediotra LeYa, 2012, 272 pág.

img_0088
Foto: Mari Bomfim

O que dizer desse livro, onde a primeira regra é não falar nada?

Chuck Palahniuk definiu como ninguém uma geração de pessoas que querem alcançar a perfeição, e ao alcançá-la, ficam  desgostosas da vida, como se algo faltasse no meio dessa perfeição toda. O que faltava era um lugar para sermos apenas humanos: falhos, loucos e porque não, extremamente violentos.

img_0091
Foto: Mari Bomfim

No começo era apenas a violência pela violência, em cada luta, os centenas de homens que entraram sem piscar no clube, descontavam a raiva que sentiam de seus patrões, de suas famílias, do sistema e de si mesmos. Mas então Tyler Durden lhe deu uma causa, que iria mudar não somente a vida deles, mas como de toda a humanidade.

O livro tem uma adaptação muito boa que foi para o cinema em 1999 e se tornou, depois de algum tempo, o queridinho de uma geração! Chuck tem um humor negro e uma narrativa caótica, mas que, não é cansativa nem tão confusa a ponto de você querer desistir de ler.

img_0089
Foto: Mari Bomfim

O final é surpreendente e seu fechamento é diferente do filme, então, mesmo se você, assim como eu, já tenha assistido o filme e saiba o grande spoiler, ainda assim, vai se surpreender com a narrativa e com toda a obra. O livro ainda tem um posfácio muito legal!

Escrito por:
Mari Bomfim 

DESAFIO LITERÁRIOS DOS 60 DIAS #51 #56

Mais um pouquinho a gente termina esse desafio! \o/

DESAFIO LITERÁRIO DOS 60 DIAS

#51 – UM LIVRO QUE TENHAM TE CONTADO O FINAL ANTES DE VOCÊ ACABAR LER.

#56 – UM LIVRO QUE VIROU FILME

img_0090
Foto: Mari Bomfim

O livro do desafio de hoje é a minha leitura atual! Eu conheci primeiro o filme, há mais ou menos  3 anos atrás, apesar do filme ser bem conhecido, e com certeza, me surpreendeu muito. O Clube da Luta, é o primeiro livro escrito por Chuck Palahniuk, em 1996 e ganhou o filme homônimo em 1999.

Eu ainda não terminei de ler o livro, mas sei que a grande reviravolta é a mesma do filme, portanto eu sei o final, apesar do Rafa dizer que o desfecho do livro é bem diferente do filme.

Saber o grande segredo de Tyler não atrapalha de maneira nenhuma a leitura do livro, pelo contrário, faz com que eu admire ainda mais o autor pelos easter eggs durante todo o livro e fazer tudo isso se encaixar com no final!

E você, já leu algum livro que já sabia o final? Comente!

Escrito por:
Mari Bomfim